ACESSIBILIDADE
TAMANHO DA FONTE:
A+
A
A-
  • serviços Cidadão

  • serviços Empresa

  • serviços Servidor

  • consulta Processos

  • Acesso à
    Informação
+
postado em 09 jan 2008 em Secretaria de Saúde

Servidores que trabalham no prédio da Prefeitura e em viveiros recebem vacina contra febre amarela

Os servidores públicos municipais, que trabalham no prédio da Prefeitura e em viveiros, estão recebendo esta manhã, desde às 8 horas, a imunização contra a febre amarela. A vacina está sendo aplicada na sede do Executivo e vale lembrar que apenas os funcionários citados poderão recebê-la nesta etapa, para evitar tumulto no local.   A iniciativa é da Prefeitura de Rio Verde, por meio da Secretaria de Saúde, através do Núcleo de Vigilância Epidemiológica e visa garantir que Rio Verde continue fora da área de risco da doença, cujo foco já foi confirmado em algumas cidades goianas vizinhas.   É importante lembrar ainda que esta semana a Regional de Saúde de Rio Verde recebeu mais 20 mil doses da vacina, que está sendo oferecida nos postos de saúde da cidade. “Como os postos centrais são os mais procurados, pode acontecer das doses se esgotarem. Neste caso, o rio-verdense deve procurar uma unidade de algum bairro”, orienta a coordenadora do Núcleo, Patrice Cristina Guimarães.   Febre Amarela - A doença do tipo silvestre tem como principal reservatório do vírus os primatas, no caso, os macacos, sendo o homem um hospedeiro acidental. Ocorre ciclicamente com epizootias, que são as epidemias entre animais, a cada cinco a sete anos. Os seres humanos que entram nas áreas de matas para ecoturismo ou exercerem atividades produtivas podem contaminar-se com o vírus através de picadas de mosquitos dos gêneros Haemagogus spp. e Sabethes spp. Na febre amarela urbana o homem é o único reservatório de importância epidemiológica e o mosquito Aedes aegypti é o principal transmissor, mas este tipo da doença está erradicado no Brasil desde 1942.   O Estado de Goiás encontra-se na região endêmica brasileira para febre amarela silvestre, pela manutenção do vírus amarílico entre os hospedeiros naturais. Em 1999, foram registrados 12 casos de febre amarela silvestre, com cinco mortes. Em 2000, foram 54 registros com 24 mortes. Desde 2001, Goiás não confirmava nenhum caso de febre amarela em humanos. Devem se vacinar contra a febre amarela, todas as pessoas que não se vacinam há dez anos, bebês a partir dos 9 meses e, nos municípios onde há morte de macaco com suspeita de febre amarela, crianças a partir de 6 meses de idade. Gestantes não podem receber a vacina.  

Compartilhe notícia:

Telefones úteis

Lista telefones da Prefeitura

Executivo

Gabinete do Prefeito

64 3602-8030

Órgãos e Empresas Públicas

Procuradoria Geral do Município

64 3602-8026

AMT - Agência Municipal de Mobilidade e Trânsito

64 3620-2069 / 3620-0007 e 156

IPARV – Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores de Rio Verde

64 2101-7100 , 2101-7101, 2101-7102

PROCON

64 3602-8600

AMAE/RV - Agência de Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento Básico

64 3620-2065 / 9 9264-3896

Hospital Materno Infantil Augusta Bastos (HMIAB)

64 36

Departamentos

CMEI Professora Judith Iara Alves Augusto

64 99284-7521

EMEF Professora Maria Dulce Rocha Duarte Barbosa

64 3620-2011 / 9 9278-2472

CMEI Caminho da Vida

64 3620-3228

Secretarias

Secretaria de Planejamento e Gestão

64 3602-8040 / 3602-8087

Controladoria Geral do Município

64 3602-8055

Secretaria de Assistência Social

64 3602-8800

Secretaria de Turismo

64 3620-2146

Secretaria da Fazenda

64 3624-2400 / 2413

Secretaria de Educação

64 3602-8200

Secretarias

Secretaria de Saúde

64 3602-8100 - 64 3602-8123

Secretaria de Ação Urbana e Serviços Públicos

64 3620-2131 / 3620-2141

Secretaria Infraestrutura Urbana

64 3602-7200

Secretaria de Infraestrutura Rural

64 3620-0012

Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável

64 3620-4130

Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento

64 3612-1944

Secretaria de Esportes e Lazer

64 3620-2081, 3620-2042, 3620-2119

Secretaria de Meio Ambiente

64 3602-8400

Secretaria de Comunicação Social

64 3602-8001

Secretaria de Cultura

64 3620-2071

Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária

64 3602-1281 / 64 992241507