Segunda etapa da I Gincana Ambiental – Cidade Limpa foi um sucesso - Prefeitura Municipal de Rio Verde
ACESSIBILIDADE
TAMANHO DA FONTE:
A+
A
A-
  • serviços Cidadão

  • serviços Empresa

  • serviços Servidor

  • consulta Processos

  • Acesso à
    Informação
+
postado em 19 nov 2011 em Secretaria de Ação Urbana e Serviços Públicos

Segunda etapa da I Gincana Ambiental – Cidade Limpa foi um sucesso

 

 

O tempo da decomposição de lixos inorgânicos pode durar de 10 a 150 anos, por isso a Prefeitura de Rio Verde tem buscado estratégias para reciclar este material, em que pode se destacar lixos eletrônicos, alumínios (latinha de refrigerantes e embalagens), Garrafas Pet, entre outros. Uma das ações realizadas para minimizar o impacto ambiental tem sido o projeto “Lixo Zero”, realizada pelo Poder Público Municipal, em parceria com a Fesurv. Uma gincana realizada na manhã do último sábado, 19, mobilizou cerca de 200 estudantes de Engenharia Ambiental para recolher o máximo de lixos recicláveis em 13 pontos de coletas localizados estrategicamente na cidade.

 

A coleta aconteceu das 8h às 12h e para iniciar os trabalhos foi oferecido um café da manhã. Esteve presente no evento o secretário Municipal de Comunicação, Cairo Fagundes, que ressaltou a importância da iniciativa. “A Prefeitura de Rio Verde tem trabalhado para conscientizar a população em relação ao meio ambiente e a resposta da população tem sido positiva, pois várias pessoas têm colaborado trazendo seu lixo para ser reciclado,” disse.   Além de fazer parte do projeto Lixo Zero, o evento também fez parte do projeto da “I Gincana Ambiental – Cidade Limpa”. De acordo com a coordenadora do curso de Engenharia Ambiental, Melissa Selaysim, no primeiro dia de recolhimento foram obtidos cerca de duas toneladas de matérias recicláveis. “Percebemos que as pessoas não têm um local para depositar seu lixo eletrônico, por isso hoje, dia 19, decidimos que além de arrecadar oléo de cozinha e garrafas pet, coletaríamos novamente o lixo eletrônico.”   Ela ainda destaca que a parceria com a Prefeitura tem dado certo e que todo o arrecadado será enviado para uma recicladora de Goiânia, que tentará construir computadores com o material, para serem doados para famílias carentes.   Uma das alunas que participou dos dois dias de coletas foi a Nubia Cruvinel que diz ser uma experiência muito importante para sua vida profissional. “Sinto que estou fazendo a minha parte e percebo que as pessoas têm participado bastante também. Durante os dois dias coletamos uma grande quantidade de lixo eletrônico,” disse a aluna. Segundo o representante da Secretaria de Ação Urbana, Carlos Domingos, a finalização do projeto acontecerá com uma carreata, composta por os caminhões carregando os materiais coletados, assim fazendo a entrega simbólica para a reciclagem. “Queremos chamar atenção dos moradores da cidade e da região para a questão de limpeza e destino correto do lixo” disse.    O que é lixo eletrônico?  O lixo eletrônico é o nome dado aos resíduos resultantes da rápida obsolescência de equipamentos eletrônicos o que inclui televisores, aparelhos celulares, computadores, demais dispositivos. Tais resíduos, descartados em lixões, constituem-se num sério risco para o meio ambiente, pois possuem em sua composição metais pesados altamente tóxicos, tais como: mercúrio, cádmio, berílio e chumbo. Esses elementos em contato com o solo contaminam o lençol freático; se queimados, poluem o ar. Além disso, causam doenças graves em catadores que sobrevivem da venda de materiais coletados nos lixões.


Fotos: Washington Oliveira

 

 

 O objetivo do evento é consientizar a população para a preservação ambiental

Participantes se deliciaram de um café da manhã especial

 Esta é mais uma etapa do programa Lixo Zero 

 Na primeira etapa foram arrecadadas cerca de duas toneladas

A decomposição de lixos inorgânicos pode durar de 10 a 150 anos

Compartilhe notícia:

Telefones úteis

Lista telefones da Prefeitura

Executivo

Gabinete do Prefeito

64 3602-8030

Órgãos e Empresas Públicas

Procuradoria Geral do Município

64 3602-8026

AMT - Agência Municipal de Mobilidade e Trânsito

64 3620-2069 / 3620-0007 e 156

IPARV – Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores de Rio Verde

64 2101-7100 , 2101-7101, 2101-7102

PROCON

64 3602-8600

AMAE/RV - Agência de Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento Básico

64 3620-2065 / 9 9264-3896

Hospital Materno Infantil Augusta Bastos (HMIAB)

64 36

Ouvidoria - Prefeitura de Rio Verde (GO)

64 3602-8080

Departamentos

CMEI Professora Judith Iara Alves Augusto

64 99284-7521

EMEF Professora Maria Dulce Rocha Duarte Barbosa

64 3620-2011 / 9 9278-2472

CMEI Caminho da Vida

64 3620-3228

Secretarias

Secretaria de Planejamento e Gestão

64 3602-8040 / 3602-8087

Controladoria Geral do Município

64 3602-8055

Secretaria de Assistência Social

64 3602-8800

Secretaria de Turismo

64 3620-2146

Secretaria da Fazenda

64 3624-2400 / 2413

Secretaria de Educação

64 3602-8200

Secretarias

Secretaria de Saúde

64 3602-8100 - 64 3602-8123

Secretaria de Ação Urbana e Serviços Públicos

64 3620-2131 / 3620-2141

Secretaria Infraestrutura Urbana

64 3602-7200

Secretaria de Infraestrutura Rural

64 3620-0012

Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável

64 3620-4130

Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento

64 3612-1944

Secretaria de Esportes e Lazer

64 3620-2081, 3620-2042, 3620-2119

Secretaria de Meio Ambiente

64 3602-8400

Secretaria de Comunicação Social

64 3602-8001

Secretaria de Cultura

64 3620-2071

Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária

64 3602-1281 / 64 992241507