ACESSIBILIDADE
TAMANHO DA FONTE:
A+
A
A-
  • serviços Cidadão

  • serviços Empresa

  • serviços Servidor

  • consulta Processos

  • Acesso à
    Informação
+
postado em 02 mar 2015 em Secretaria de Saúde

Secretaria da Saúde realiza capacitação para início da Campanha de vacinação do HPV

 

A Prefeitura de Rio Verde, por meio da Secretaria da Saúde, informa que hoje, 2, aconteceu a capacitação das equipes e das enfermeiras chefe das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Estratégias de Saúde da Família (ESF) sobre a Campanha de vacinação contra o HPV. Portanto, a partir do dia 3, as meninas de 9 a 13 anos começarão a ser imunizadas contra o HPV. As mães deverão levar suas filhas a UBS ou ESF mais próximas à sua residência para tomarem a primeira dose da vacina. De acordo com Patrice Guimarães, coordenadora da Vigilância Epidemiológica, essa vacina é dada em três doses sendo que a primeira deve ser dada a meninas de 9 a 13 anos. A segunda dose é seis meses depois da data da primeira dose. E a terceira dose é feita sessenta meses após a primeira dose, ou seja, essas meninas terminarão o ciclo vacinal em março de 2019. Por isso, é muito importante que as mães sigam as instruções das equipes.

 

Este ano haverá outros grupos que serão imunizados, que são mulheres que vivem com o HIV. A faixa etária vai de 9 a 26 anos. Para que essas mulheres possam tomar a vacina deverão levar um encaminhamento de seu médico à UBS ou ESF mais próximas de sua residência, também podendo vacinar no SAE ou Vigilância Epidemiológica. Esse grupo também tem o esquema vacinal diferenciado. Após a primeira dose a paciente esperará 30 dias para tomar a segunda dose e seis meses após a primeira para tomar a terceira dose.

 

Segundo Patrice, essa Campanha tem como objetivo reduzir a quantidade de casos de câncer no colo do útero e também a mortalidade causada por ele. Ela ainda disse que a partir do dia 5 começará a Campanha nas escolas municipais da cidade, a qual será estendida a todas escolas da cidade (estaduais e particulares). Para que a campanha seja um sucesso é necessário que os pais mandem as carteiras de vacinação de suas filhas de 9 a 13 anos no dia em que a equipe passar na escola que elas estudam. Essa data será avisada pela própria escola. Para os pais que não autorizarem suas filhas a tomarem a vacina deverão assinar o termo de recusa que será enviado pela escola para que posteriormente esse termo seja mandado ao Ministério da Saúde.

 

A vacina contra o HPV é recombinante, ou seja, é tão segura tanto quanto a vacina da hepatite B (também recombinante) aplicada em bebês recém nascidos, enfatiza a coordenadora da Vigilância Sanitária. Ela ainda disse que em Goiás não houve nenhum caso de reações adversas que tenha causado danos irreversíveis às pacientes. Por isso, é muito importante que os pais orientem suas filhas de 9 a 13 anos sobre a importância da vacina e de que ela é extremamente segura.

 

Conheça o HPV ( Papilomavírus Humano)

   O HPV apresenta mais de 150 genótipos diferentes sendo que 12 deles são considerados oncogênicos, ou seja, que podem causar câncer, de acordo com a Agência Internacional para Pesquisa sobre Câncer (IARC).

 

    O câncer de colo de útero, causado pelo HPV, é o terceiro tipo com maior incidência entre as mulheres brasileiras, atrás dos cânceres de mama e colo retal.

 

     Em Goiás, segundo dados do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca), a taxa estimada de incidência desta doença é de 19,66 casos para cada 100 mil mulheres.

 

     No mundo, aproximadamente 291 milhões de mulheres são portadoras do HPV. Sendo que 32% delas estão infectadas pelos tipos 16, 18 ou ambos (tipos que a vacina imuniza).

 

     Os tipos 16 e 18 são responsáveis por cerca de 70% dos casos de câncer de colo de útero.

 

     O vírus do HPV é contraído principalmente por via sexual.

      Lembre-se que o uso do preservativo é medida indispensável de saúde e higiene não só contra a infecção pelo HPV, mas como prevenção para todas as outras doenças sexualmente transmissíveis.A vacina HPV é quadrivalente, ou seja, previne contra quatro subtipos do vírus. Dois destes subtipos são responsáveis pelo surgimento de verrugas genitais. Já os outros dois são estão vinculados ao surgimento de cerca de 70% dos casos de câncer de colo de útero. Esta grave doença é, conforme dados do Ministério da Saúde, a terceira causa de morte das mulheres por neoplasias no País.

     A vacina HPV é quadrivalente, ou seja, previne contra quatro subtipos do vírus. Dois destes subtipos são responsáveis pelo surgimento de verrugas genitais. Já os outros dois são estão vinculados ao surgimento de cerca de 70% dos casos de câncer de colo de útero. Esta grave doença é, conforme dados do Ministério da Saúde, a terceira causa de morte das mulheres por neoplasias no País.


FIQUE LIGADO!

A infecção causada pelo HPV pode ser assintomática ( não há sintomas) ou pode provocar o aparecimento de verrugas com aspecto parecido ao de uma pequena couve-flor na pele e nas mucosas. Se a alteração nos genitais for discreta, será percebida apenas através de exames específicos. Se forem mais graves, as células infectadas pelo vírus podem perder os controles naturais sobre o processo de multiplicação, invadir os tecidos vizinhos e formar um tumor maligno como o câncer do colo do útero e do pênis.

 

                             Fotos: Washington Oliveira

Patrice enfatiza a importância da Campanha de vacinação do HPV

 


A equipe participou de maneira efetiva na capacitação para que não fique dúvidas sobre a Campanha 

 

Compartilhe notícia:

Telefones úteis

Lista telefones da Prefeitura

Executivo

Gabinete do Prefeito

64 3602-8030

Órgãos e Empresas Públicas

Procuradoria Geral do Município

64 3602-8026

AMT - Agência Municipal de Mobilidade e Trânsito

64 3620-2069 / 3620-0007 e 156

IPARV – Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores de Rio Verde

64 2101-7100 , 2101-7101, 2101-7102

PROCON

64 3602-8600

AMAE/RV - Agência de Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento Básico

64 3620-2065 / 9 9264-3896

Hospital Materno Infantil Augusta Bastos (HMIAB)

64 36

Ouvidoria - Prefeitura de Rio Verde (GO)

64 3602-8080

Departamentos

CMEI Professora Judith Iara Alves Augusto

64 99284-7521

EMEF Professora Maria Dulce Rocha Duarte Barbosa

64 3620-2011 / 9 9278-2472

CMEI Caminho da Vida

64 3620-3228

Secretarias

Secretaria de Planejamento e Gestão

64 3602-8040 / 3602-8087

Controladoria Geral do Município

64 3602-8055

Secretaria de Assistência Social

64 3602-8800

Secretaria de Turismo

64 3620-2146

Secretaria da Fazenda

64 3624-2400 / 2413

Secretaria de Educação

64 3602-8200

Secretarias

Secretaria de Saúde

64 3602-8100 - 64 3602-8123

Secretaria de Ação Urbana e Serviços Públicos

64 3620-2131 / 3620-2141

Secretaria Infraestrutura Urbana

64 3602-7200

Secretaria de Infraestrutura Rural

64 3620-0012

Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável

64 3620-4130

Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento

64 3612-1944

Secretaria de Esportes e Lazer

64 3620-2081, 3620-2042, 3620-2119

Secretaria de Meio Ambiente

64 3602-8400

Secretaria de Comunicação Social

64 3602-8001

Secretaria de Cultura

64 3620-2071

Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária

64 3602-1281 / 64 992241507