ACESSIBILIDADE
TAMANHO DA FONTE:
A+
A
A-
  • serviços Cidadão

  • serviços Empresa

  • serviços Servidor

  • consulta Processos

  • Acesso à
    Informação
+
postado em 05 dez 2011 em Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento

Prefeitura de Rio Verde firma parceria e ajuda os pequenos produtores familiares

/ Style Definitions / table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:10.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Calibri","sans-serif"; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-fareast-font-family:"Times New Roman"; mso-fareast-theme-font:minor-fareast; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:"Times New Roman"; mso-bidi-theme-font:minor-bidi;} Acreditando na força do agricultor familiar, a Prefeitura de Rio Verde, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento firmou convênio junto ao Instituto Casa da Abelha, uma instituição sem fins lucrativos (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público - OSCIP), que tem realizado um importante trabalho de profissionalização das atividades rurais, especialmente na área leiteira.

Por isso, nesta sexta-feira, 2, a secretária de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Marion Kompier, que representou o Prefeito de Rio Verde, em companhia da vereadora Maria José, repassaram o cheque de R$ 50 mil para que o Instituto Casa da Abelha possa desenvolver o trabalho de assessoramento técnico às 60 famílias de produtores cadastradas no município: “Rio Verde é parceiro dos produtores, porque sabemos da importância de cada um deles. É por isso que colocamos em prática uma série de ações que beneficiam esses pequenos produtores, e consequentemente toda a nossa população”, ressaltou a secretária.

A entrega aconteceu durante o primeiro grande encontro das famílias assistidas pelo Instituto, evento que ganhou o nome de “1º Enxame da Casa da Abelha”. Algumas atividades aconteceram no Palácio da Cultura Teotônio Vilela e outras no Tatersal do Parque de Exposições em Quirinópolis. O evento foi regado de informações, uma vasta mesa com delícias da cozinha goiana e forró com o cantor Mixaria.

Um dos momentos marcantes foi a fala do senhor Álido Brum, um produtor rural que há 10 anos produz queijo em uma área de assentamento do INCRA, no município de Chapadão do Sul (MS), na divisa com Goiás. Ele produz cerca de 80 kg de queijo por dia, produto que é vendido a R$ 30 o quilo. Na palestra que proferiu com o tema “Como trabalhar pouco e ganhar muito dinheiro”, Brum não quis revelar o segredo do seu queijo famoso no Brasil e já experimentado até em outros países, mas disse que a criatividade é um grande diferencial do sucesso. “É preciso fazer as coisas com carinho e dedicação, sem se preocupar única e exclusivamente com o lucro. Este é resultado do trabalho que desempenhamos”, disse.

Atualmente, o Instituto Casa da Abelha presta assessoramento técnico a 174 famílias ligadas à produção leiteira, sendo 80 em Quirinópolis, 60 em Rio Verde, 20 em Caçu e 14 em Cachoeira Alta. A expectativa, segundo a presidente do Instituto, Eliane Alves, é de levar o trabalho também para outros municípios, e uni-lo a outras atividades na área de atuação da Casa da Abelha: “Na última reunião do Comitê de Empreendedores Rurais, ficou definido que os recursos recebidos serão utilizados na ampliação do assessoramento técnico aos produtores de leite, bem como para desenvolver uma central de negócios e para viabilizar pelo menos duas agroindústrias: artesanato e doce”, informou Eliane. Ela explica que essas atividades serão fomentadas de forma prioritária, porque são trabalhadas de forma paralela pelos produtores de leite, os quais já contam com uma estrutura, o que facilitará o trabalho. Mas, a intenção é continuar inserindo outras atividades na área de atuação da Casa da Abelha.

 

                      Fotos: Secretaria de Agricultura

  “Rio Verde é parceiro dos produtores, porque sabemos da importância de cada um deles" disse Marion Kompier

 O Instituto Casa da Abelha presta assessoramento técnico a 174 famílias

 Marion Kompier e a Maria José repassaram o cheque de R$ 50 mil para o Instituto Casa da Abelha

 Este dinheiro irá ajudar o trabalho de profissionalização das atividades rurais, especialmente na área leiteira


Compartilhe notícia:

Telefones úteis

Lista telefones da Prefeitura

Executivo

Gabinete do Prefeito

64 3602-8030

Órgãos e Empresas Públicas

Procuradoria Geral do Município

64 3602-8026

AMT - Agência Municipal de Mobilidade e Trânsito

64 3620-2069 / 3620-0007 e 156

IPARV – Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores de Rio Verde

64 2101-7100 , 2101-7101, 2101-7102

PROCON

64 3602-8600

AMAE/RV - Agência de Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento Básico

64 3620-2065 / 9 9264-3896

Hospital Materno Infantil Augusta Bastos (HMIAB)

64 36

Ouvidoria - Prefeitura de Rio Verde (GO)

64 3602-8080

Departamentos

CMEI Professora Judith Iara Alves Augusto

64 99284-7521

EMEF Professora Maria Dulce Rocha Duarte Barbosa

64 3620-2011 / 9 9278-2472

CMEI Caminho da Vida

64 3620-3228

Secretarias

Secretaria de Planejamento e Gestão

64 3602-8040 / 3602-8087

Controladoria Geral do Município

64 3602-8055

Secretaria de Assistência Social

64 3602-8800

Secretaria de Turismo

64 3620-2146

Secretaria da Fazenda

64 3624-2400 / 2413

Secretaria de Educação

64 3602-8200

Secretarias

Secretaria de Saúde

64 3602-8100 - 64 3602-8123

Secretaria de Ação Urbana e Serviços Públicos

64 3620-2131 / 3620-2141

Secretaria Infraestrutura Urbana

64 3602-7200

Secretaria de Infraestrutura Rural

64 3620-0012

Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável

64 3620-4130

Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento

64 3612-1944

Secretaria de Esportes e Lazer

64 3620-2081, 3620-2042, 3620-2119

Secretaria de Meio Ambiente

64 3602-8400

Secretaria de Comunicação Social

64 3602-8001

Secretaria de Cultura

64 3620-2071

Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária

64 3602-1281 / 64 992241507