ACESSIBILIDADE
TAMANHO DA FONTE:
A+
A
A-
  • serviços Cidadão

  • serviços Empresa

  • serviços Servidor

  • consulta Processos

  • Acesso à
    Informação
+
postado em 15 fev 2008 em Gabinete do Prefeito

Prefeito defende zoneamento agrícola em evento promovido pelo CDE

 

Autoridades municipais e estaduais, envolvidas direta ou indiretamente, no desenvolvimento da agricultura em Goiás, além dos Conselheiros do Conselho de Desenvolvimento do Estado (CDE) e representantes de classe, se reuniram na manhã de hoje, 15, para trocar idéia sobre a aplicação de recursos para os segmentos produtivos e os aspectos ambientais decorrentes da atividade.

 

Em um evento bastante proveitoso, o prefeito de Rio Verde, Paulo Roberto Cunha, e o representante do Sindicato das Indústrias de Fabricação de Álcool e Açúcar em Goiás (Sifaeg), André Luiz Rocha, explanaram suas opiniões, que são divergentes, com relação aos investimentos da cultura da cana-de-açúcar.

 

Além dos principais expositores, também compuseram a mesa diretora o secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Goiás, Leonardo Veloso e o secretário Executivo do FCO, Ivan Marques.

 

Na opinião de Leonardo Veloso, Goiás precisa alterar a política atual vigente e descentralizar a aplicação de recursos. “Estamos traçando uma nova ação nesse sentido, que beneficiará principalmente, as regiões menos desenvolvidas do Estado, que são a norte e a nordeste”.

 

Paulo Roberto Cunha defendeu o zoneamento agrícola no Estado. Para ele, os usineiros que dependem de recursos altos devem fazer empréstimo com o BNDES, que tem mais dinheiro, enquanto que o FCO atenderia a um grupo mais diversificado. Em sua explanação, o prefeito de Rio Verde ressaltou os prejuízos causados pela expansão desordenada da cana e falou sobre a lei, de sua autoria, que limitou o plantio da cana a 10% da área agricultável de Rio Verde.

 

A tese de Paulo Roberto foi elogiada por todos os presentes, que ressaltaram que a criação da lei é a indicação do caminho certo. O projeto já foi copiado por alguns municípios brasileiros e apresentados para mais de 50 cidades, de sete Estados distintos.

 

Em contrapartida, André Luiz Rocha, acredita que não deve haver restrições na liberação de recursos para qualquer segmento do setor produtivo.

 

As opiniões foram ouvidas atentamente pelos Conselheiros do Conselho de Desenvolvimento do Estado (CDE), órgão que promoveu o evento, e serão devidamente analisadas para possíveis tomadas de decisão.

 

         

 

Compartilhe notícia:

Telefones úteis

Lista telefones da Prefeitura

Executivo

Gabinete do Prefeito

64 3602-8030

Órgãos e Empresas Públicas

Procuradoria Geral do Município

64 3602-8026

AMT - Agência Municipal de Mobilidade e Trânsito

64 3620-2069 / 3620-0007 e 156

IPARV – Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores de Rio Verde

64 2101-7100 , 2101-7101, 2101-7102

PROCON

64 3602-8600

AMAE/RV - Agência de Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento Básico

64 3620-2065 / 9 9264-3896

Hospital Materno Infantil Augusta Bastos (HMIAB)

64 36

Departamentos

CMEI Professora Judith Iara Alves Augusto

64 99284-7521

EMEF Professora Maria Dulce Rocha Duarte Barbosa

64 3620-2011 / 9 9278-2472

CMEI Caminho da Vida

64 3620-3228

Secretarias

Secretaria de Planejamento e Gestão

64 3602-8040 / 3602-8087

Controladoria Geral do Município

64 3602-8055

Secretaria de Assistência Social

64 3602-8800

Secretaria de Turismo

64 3620-2146

Secretaria da Fazenda

64 3624-2400 / 2413

Secretaria de Educação

64 3602-8200

Secretarias

Secretaria de Saúde

64 3602-8100 - 64 3602-8123

Secretaria de Ação Urbana e Serviços Públicos

64 3620-2131 / 3620-2141

Secretaria Infraestrutura Urbana

64 3602-7200

Secretaria de Infraestrutura Rural

64 3620-0012

Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável

64 3620-4130

Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento

64 3612-1944

Secretaria de Esportes e Lazer

64 3620-2081, 3620-2042, 3620-2119

Secretaria de Meio Ambiente

64 3602-8400

Secretaria de Comunicação Social

64 3602-8001

Secretaria de Cultura

64 3620-2071

Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária

64 3602-1281 / 64 992241507