MAPA DO SITE TELEFONES ÚTEIS
ACESSIBILIDADE
TAMANHO DA FONTE:
A+
A
A-
  • serviços Cidadão

  • serviços Empresa

  • serviços Servidor

  • consulta Processos

  • Acesso à
    Informação
+
postado em 19 maio 2006 em Notícias

Petrobrás produzirá H-BIO

O governo anunciou ontem um pacote de medidas para o setor energético. Depois da crise com a Bolívia, o Brasil vai antecipar a produção brasileira de gás natural e produzir em escala industrial o H-BIO, uma junção do óleo mineral com óleo vegetal. Essa última medida deve beneficiar os agricultores do país.

O anúncio foi feito na quinta à noite, no palácio do Planalto, depois da reunião do Conselho Nacional de Política Energética.   São três medidas:   Na primeira, a Petrobrás vai antecipar para 2008 a produção de gás natural de novas reservas na bacia do Espírito Santo. Vai aumentar ainda a produção nas bacias de Campos e de Santos. A meta é ampliar a produção dos atuais 15,8 milhões de metros cúbicos por dia para 40 milhões de metros cúbicos.   O ministro das Minas e Energia, Silas Rondeau, afirma que existe um estrangulamento entre o Espirito Santo e São Paulo que não permite o escoamento total desse gás. “Vamos precisar construir um gasoduto”, completa o presidente da Petrobras José Sérgio Gabrielli. “Então, eu não tenho ainda os detalhes de quanto vai custar cada um dos projetos que estamos analisando”.   O governo também anunciou que pretende transformar as termoelétricas. Além de gás natural, elas passarão a usar álcool, gás de cozinha - o GLP - e diesel.   E a medida de maior impacto: a Petrobrás vai produzir em escala industrial, em três refinarias, o H-BIO, que é a junção do óleo mineral com óleo vegetal. “É a mistura do óleo cru, do petróleo bruto, junto com óleo vegetal para produzir diesel”, explica Gabrielli. “É diesel comum, não tem diferença”.   A Petrobras começa a produzir o H-BIO no ano que vem. Para a agricultura, é uma boa notícia: essa mistura vai consumir mais de um milhão de toneladas de soja por ano, o equivalente à produção de 420 mil hectares.   “Isso cria um novo mercado para a soja, muito positivo para os agricultores e sem nenhum problema para os importadores do produto brasileiro, porque nós vamos continuar exportando farelo. É uma soma positiva, ninguém perde com isso. Todo mundo ganha”, garantiu o ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues.

Compartilhe notícia:

Telefones úteis

Lista telefones da Prefeitura

Executivo

Gabinete do Prefeito

64 3602-8030

Órgãos e Empresas Públicas

Chefia de Gabinete do Prefeito

64 3602-8030, 3602-8048

Procuradoria Geral do Município

64 3602-8026

AMT - Agência Municipal de Mobilidade e Trânsito

64 3620-2069 / 3620-0007 e 156

IPARV – Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores de Rio Verde

64 2101-7100 , 2101-7101, 2101-7102

PROCON

64 3602-8600

AMAE/RV - Agência de Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento Básico

64 3620-2065 / 9 9264-3896

Secretarias

Secretaria de Planejamento e Gestão

64 3602-8040 / 3602-8035

Controladoria Geral do Município

64 3602-8055

Secretaria de Assistência Social

64 3602-8800

Secretaria da Fazenda

64 3624-2400 / 2413

Secretaria de Educação

64 3602-8200

Secretarias

Secretaria de Saúde

64 3602-8100 - 64 36028123

Secretaria de Ação Urbana e Serviços Públicos

64 3620-3203 / 64 3620-2131

Secretaria Infraestrutura Urbana

64 3602-7200

Secretaria de Infraestrutura Rural

64 3620-0012

Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Turismo

64 3620-4130

Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento

64 3612-1944

Secretaria de Esportes e Lazer

64 3620-2081, 3620-2042, 3620-2119

Secretaria de Meio Ambiente

64 3602-8400

Secretaria de Comunicação Social

64 3602-8001

FMC - Fundação Municipal de Cultura

64 3620-2071

Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária

64 3602-1281 / 64 992241507