ACESSIBILIDADE
TAMANHO DA FONTE:
A+
A
A-
  • serviços Cidadão

  • serviços Empresa

  • serviços Servidor

  • consulta Processos

  • Acesso à
    Informação
+
postado em 28 fev 2007 em Gabinete do Prefeito

Bando que planejava roubar banco em Rio Verde é preso na Cidade

Após passar cinco dias no Município, foi presa ontem, 27, em Rio Verde, a quadrilha especializada que atuava nas regiões centro-oeste e norte do País. A prisão se deu por meio de uma operação conjunta das Polícias Civis de Goiás e Pará, além da Federal goiana.   Junto com o grupo, de nove pessoas, foram apreendidos três carros e armas de forte potencial bélico, sendo que algumas são de uso exclusivo da segurança pública e forças armadas. As investigações apontam indícios de ligações do bando com o Primeiro Comando da Capital (PCC), facção criminosa que atua em São Paulo (SP).   O grupo, conhecido por assaltos ocorridos em um banco no Pará, em janeiro, também é responsável por assaltos em quatro cidades do interior do Mato-Grosso.   O bando foi autuado na Deic por formação de quadrilha, falsidade ideológica, latrocínio, porte de arma de uso restrito e deverá ser transferida para a capital paraense. A polícia ainda investiga outros possíveis integrantes.   Levantamento destaca 32 cidades de Goiás entre as 556 mais violentas do País   Goiás tem 32 municípios entre as 556 cidades com maiores taxas de homicídio no Brasil, revela a pesquisa Mapa da Violência dos Municípios Brasileiros, baseada em dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), do Ministério da Saúde. Levantamento indica a migração do crime para o interior do País. A cidade de Vila Boa (a 372 km da Capital), na microrregião do Entorno de Brasília, aparece no 6° posto do ranking nacional.   Até 1999, segundo os dados da pesquisa, os pólos de violência eram os grandes centros urbanos, regiões metropolitanas e grandes capitais. A partir desta data, o ritmo de crescimento da violência tem se elevado no interior. A motivação para a migração, segundo a pesquisa, é “uma dinâmica territorial específica ainda não bem compreendida”. Fatores culturais e de identidade regional teriam influência.   Goiás é o 12° Estado mais violento do País. O Entorno de Brasília concentra o maior número de municípios goianos com mais altos índices de homicídio. Além de Vila Boa, também figuram na lista Cristalina, Cabeceiras, Luziânia, Planaltina, Água Fria de Goiás, Cocalzinho de Goiás, Vila Propício, Alexânia, Formosa, Santo Antônio do Descoberto e Valparaíso de Goiás.   Goiânia é a 14ª entre as capitais na lista dos municípios brasileiros onde mais acontecem assassinatos. Onze cidades do interior do Estado aparecem antes da Capital goiana. Baliza (a 433 km de Goiânia), que faz divisa com Mato Grosso, é a primeira cidade goiana no ranking nacional de homicídios juvenis (pessoas entre 15 e 24 anos): ocupa o 62° lugar.   O chefe de planejamento e estatística da Polícia Civil de Goiás, Adailton de Souza Medrado, explica que os altos índices em cidades tão pequenas não significam que esses locais sejam os mais violentos. “São municípios próximos ao entorno, onde realmente a violência é grande.” Ele acredita que os bandidos levam as vítimas para cidades menores e com pouco policiamento. Tanto em Baliza quanto em Vila Boa, a situação é semelhante, segundo ele.

Compartilhe notícia:

Telefones úteis

Lista telefones da Prefeitura

Executivo

Gabinete do Prefeito

64 3602-8030

Órgãos e Empresas Públicas

Procuradoria Geral do Município

64 3602-8026

AMT - Agência Municipal de Mobilidade e Trânsito

64 3620-2069 / 3620-0007 e 156

IPARV – Instituto de Previdência e Assistência dos Servidores de Rio Verde

64 2101-7100 , 2101-7101, 2101-7102

PROCON

64 3602-8600

AMAE/RV - Agência de Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento Básico

64 3620-2065 / 9 9264-3896

Hospital Materno Infantil Augusta Bastos (HMIAB)

64 36

Departamentos

CMEI Professora Judith Iara Alves Augusto

64 99284-7521

EMEF Professora Maria Dulce Rocha Duarte Barbosa

64 3620-2011 / 9 9278-2472

CMEI Caminho da Vida

64 3620-3228

Secretarias

Secretaria de Planejamento e Gestão

64 3602-8040 / 3602-8087

Controladoria Geral do Município

64 3602-8055

Secretaria de Assistência Social

64 3602-8800

Secretaria de Turismo

64 3620-2146

Secretaria da Fazenda

64 3624-2400 / 2413

Secretaria de Educação

64 3602-8200

Secretarias

Secretaria de Saúde

64 3602-8100 - 64 3602-8123

Secretaria de Ação Urbana e Serviços Públicos

64 3620-2131 / 3620-2141

Secretaria Infraestrutura Urbana

64 3602-7200

Secretaria de Infraestrutura Rural

64 3620-0012

Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável

64 3620-4130

Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento

64 3612-1944

Secretaria de Esportes e Lazer

64 3620-2081, 3620-2042, 3620-2119

Secretaria de Meio Ambiente

64 3602-8400

Secretaria de Comunicação Social

64 3602-8001

Secretaria de Cultura

64 3620-2071

Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária

64 3602-1281 / 64 992241507